segunda-feira, 24 de março de 2014

SONHO COM O ANJO

Havia dois homens muito humildes, Francisco e Miguel, que eram muito amigos. Ambos queriam ter uma vida com menos pobreza e um pouco mais de recursos, para alimentar suas famílias e levar seus filhos para a escola.



Certo dia, Francisco fez uma oração e pediu a Deus que lhe concedesse melhores condições para que pudesse cuidar bem de sua família. A noite Francisco teve um sonho. Sonhou com um anjo lhe dizendo que caminhasse por 50 km na direção leste, pois lá iria encontrar um tesouro que traria muitos benefícios para ele e sua família.



No dia seguinte, Francisco resolveu seguir as recomendações do anjo e começou a se deslocar por 50 km ao leste. Pensou que nesse local poderia encontrar algum saco de moedas de ouro deixada acidentalmente por alguém, ou diamantes, ou outros tipos de riqueza acumulada.



Após 5 km do início de sua caminhada, Francisco começou a perceber a bela paisagem ao seu redor. Percebeu uma floresta gigantesca e muito bonita. No caminho, viu também ferramentas espalhadas pelo chão. Ignorou as ferramentas, e continuou caminhando. Depois de atravessar 15 km a pé, viu uma placa dizendo que um fazendeiro havia viajando e não iria mais usar alguns hectares de terra que possuía. Andou mais um pouco, e após 40 km de caminhada viu muitas e belas árvores frutíferas pelo caminho.



Francisco percebeu que estava se aproximando dos 50 km a leste de sua casa e pensou “Bom, aqui seria mais ou menos a distância de 50 km de casa. Exatamente nesse raio deve estar o tesouro que o anjo me prometeu”, pensou. Francisco procurou o dia inteiro pelo tesouro, mas nada encontrou. Ficou o dia e a noite inteira fuçando, remexendo, explorando, observando cada detalhe do local, mas não havia absolutamente nenhum tesouro. Resolveu então voltar para casa.



“Isso é o que acontece quando se acredita em anjos” pensou Francisco, retomando o trajeto de volta para sua casa.



Passado quase 1 ano, Francisco foi visitar seu amigo Miguel. Assim que chegou a sua casa, Francisco viu uma casa grande, bonita, e Miguel sentado numa rede descansando. O amigo de Francisco estava visivelmente melhor de vida. Francisco saudou seu camarada e perguntou o que ele tinha feito para conseguir tanto dinheiro em tão pouco tempo. Miguel respondeu:



- Há quase 1 ano, eu tive um sonho com um anjo. Ele me disse que caminhasse 50 km ao leste e lá encontraria um tesouro. No caminho percebi que existiam ferramentas no chão, uma terra fértil cujo dono havia se mudado e muitas árvores frutíferas. Resolvi então pegar as sementes das árvores frutíferas, pegar as ferramentas no chão e plantar tudo naquela terra fértil abandonada. Trabalhei muito, muito mesmo, dia a dia, e após quase 1 ano, o colheita cresceu, frutificou, e consegui ganhar um bom dinheiro. Percebi que o anjo do sonho me mostrou um verdadeiro tesouro escondido: recursos para se trabalhar e crescer a partir do meu próprio esforço.



Francisco se assustou com essa notícia. Miguel concluiu:



- Deus não nos fornece tesouros de graça. Ele nos concede os meios para que nós próprios, e apenas nós, possamos aproveita-los, trabalhar muito, crescer e nos melhorar. Deus dá oportunidades a todos os seus filhos, mas como cada um vai utiliza-las depende de cada um.



A maior dádiva da vida é a oportunidade de trabalho que Deus nos dá para o nosso adiantamento espiritual.

Autor: Hugo Lapa