terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Feitos secretos

Lá nos meus 18 anos, após sair do exército, fiquei desempregado, na época passávamos por dificuldades, a minha mãe mal podia sustentar a casa, foi quando dois jovens bateram na porta de minha casa, falando-me da ainda desconhecida Igreja dos mórmons. Abri a porta  e aceitei que eles falassem de suas crenças, acabei gostando e me batizando e logo, arrumei um trabalho, aguçando assim, minha fé. O tempo passou e por longos e bons anos,  fui aprendendo muita coisa boa, que até hoje ainda aplico na minha vida. 

Anos após, sem poder frequentar devido a problemas no trabalho e até em casa, me desfiliei, mas continuei com minhas amizades e respeitando a igreja e os que lá trabalham, alias, respeito todas, sei da função social de cada uma. Continuando...Os Mórmons, utilizam dois livros, o livro de Mórmons e um outro, chamado Doutrina e Convênios, desse, nunca esqueci uma narrativa, feita por Joseph Smith, em 1831 que diz: " E  os rebeldes serão afligidos com muita tristeza, porque suas iniqüidades serão proclamadas em cima dos telhados e seus feitos secretos serão revelados." Naquela época, já era interpretado que, ninguém, ninguém teria segredos, e isso nos dias atuais, é uma verdade, basta ver o avanço tecnológico, (Antenas de Tv,e internet etc...) mostrando as  entranhas da podridão humana, incluindo, fatos em nossa cidade. Muita coisa, ainda será mostrada. Creio, que isso ainda se ampliará, transformando, nossas vidas em um verdadeiro Big Brother, quem viver, verá.