sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Herança de família


Meu pai morreu quando eu tinha 9 anos, tenho poucas recordações dele, a que mais lembro é quando ele e minha mãe me levavam para uma igreja ele, ao me trazer, era noite, ele me trazia em seu colo ou nas costas, pois eu vinha dormindo. Isso pra mim tem um valor imenso, pois me senti protegido. Meu pai se foi, mas deixou algo simples que até hoje eu preservo a minha eterna confiança em Deus. Para mim, não tem valor maior que, ligar meu pai a religiosidade deixada por ele, isso sim é que é herança de família.