segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Não é para qualquer Um- Miguel Bianchini

Quando piá eu ia estudar na Escola Cristóvão Pereira, sempre via o Miguel Bianchini, coquiando saco de um caminhão para o Mercado Ritter, chamava a atenção como ele se dedicava para um trabalho bagual daqueles. A vida e assim, o Destino reserva coisas que e agente nem imaginas que se nos contassem lá no passado não acreditaríamos. Isso serve para muitos que desanimam no meio do caminho, fé em Deus e determinação o básico para chegar à vitória....Fazer uma campanha com 12 mil no bolso, Não é para qualquer Um.