sexta-feira, 24 de junho de 2011

Consumo diário de meia taça de vinho aumenta risco de câncer de mama, diz pesquisa

Estudo da Universidade de Oxford foi conduzido por um dos principais médicos britânicos da área.

Apenas meia taça de vinho ingerida diariamente aumenta a possibilidade de desenvolver câncer de mama, de acordo com um estudo da Universidade de Oxford conduzido por um dos principais médicos britânicos da área. Ian Gilmore afirmou em entrevista ao jornal Daily Mail que 10 gramas de álcool diários aumentam em 10% o risco de câncer nas mulheres.

A pesquisa foi realizada com mais de 1 milhão de mulheres e revela que a bebida alcoólica altera os níveis hormonais, podendo causar uma elevação da quantidade de células cancerígenas no organismo.

Conforme o especialista, não existem níveis seguros para ingestão de álcool, mas o risco nas mulheres aumenta, ainda que o consumo esteja dentro do limite normalmente recomendado. No entanto, ele reconhece que a chance de câncer é mínima quando se trata de uma quantidade muito pequena de álcool.

A mulher deve fazer o seu próprio julgamento. As que têm um histórico familiar de câncer de mama devem reduzir o consumo — explica.

As taxas de câncer de mama têm subido nos últimos 30 anos e estima-se que uma em cada oito mulheres irá desenvolver a doença em algum momento de sua vida. O aumento dos casos tem sido atribuído em parte aos altos níveis de obesidade, tabagismo e alcoolismo.
Fonte: Zero hora