quarta-feira, 27 de março de 2013

Um convite ao caminho do bem


Na vida comum a frase é "Diga com quem andas e te direis quem és". No espiritismo a frase é " Diga quem és e te direi com quem andas." Milhares de espíritos inferiores buscam pessoas, se encontrarem nelas ambiente propício para as mazelas da inveja, maledicência e rancor, nela fazem casa, tudo é questão de sintonia. 

Se hoje vivemos na violência, a culpa é do homem que é violento, se dermos terreno a espíritos inferiores por certo habitarão a terra e de quebra ocuparão nossos pensamentos e após nossas ações. Espíritos perambulam pela terra, na busca de viciados, pois ali acham quem compartilha do mesmo vicio, o mesmo se diga do viciado em sexo, em comida, tristeza, melancolia, cada um vive no mundo que criou. O homem é o que crê ser, se acredita na violência vai ser violento, se acredita na doença só se debaterá com doenças ao seu redor, o corrupto só se alinhará com corruptos, mas um dia eles cansarão, o corrupto será vencido pela corrupção do outro, o doente vai cansar da doença, o triste ficará exausto com a própria tristeza, o  caluniador, será condenado à repressão da própria língua, o criminoso carregará consigo o sofrimento de suas vitimas. Tudo isso que vemos hoje, é um convite à mudanças em nossa caminhada evolutiva, um convite que Deus nos faz ao caminho do bem.